Diálise

Diálise
A Hemodiálise - sala de hemodiálise com seus respectivos aparelhos

terça-feira, 1 de março de 2011

A Água e as Suas Propriedades


Quais São as Propriedades da Água?

A  Temperatura de Ebulição

Uma das propriedades da água pura é entrar em ebulição a zero metro de altitude e pressão de uma atmosfera a 100 ºC (graus Celsius).

A Temperatura de Fusão 

Outra propriedade da água é a temperatura de fusão da água é de zero graus Celsius.

A Densidade Da Água

A densidade do gelo é de 0,917 grama por centímetro cúbico. A densidade da água a 20 graus Celsius é de 0,998 grama por centímetro cúbico, a zero grau Celsius a sua densidade é de 0,999 grama por centímetro cúbico, no entanto, se considerarmos a temperatura de 4,0 graus Celsius a sua densidade é de 1,000 grama por centímetro cúbico. Esta última é a densidade padrão para os líquidos.

A Água Solvente

Outra propriedade da água que pode ser considerada é de ser solvente para uma variedade muito grande de solutos.

A água e Polaridade

A molécula da água possui uma estrutura geométrica que permite ser bem polar.

Formas Físicas da Água

A água pode ser encontrada na natureza, até mesmo no mesmo ambiente, sob as três formas, no estado gasoso, liquido e sólido.

Tensão Superficial

A água possui viscosidade e tensão superficial. Vocês já observaram insetos sobre a superfície da água? É a tensão superficial que os mantém acima do seu nível, e permite que  fique parado e não afunde, ou caminhe livremente em sua superfície.

A Distribuição da Água no Planeta Terra 
A água e os Seres Vivos.
A Água e Suas Propriedades
                                             Propriedades físico-químicas
                                             Solvente
                                             Transportadora
                                             A água potável                              A água mineral e a tratada
                                                                                                  Sedimentação
                                                                                                  Flotação
                                                                                                  Decantação
                                                                                                  Filtração
                                                                                                  Aplicação de substâncias químicas
                                             A água pura                                   Destilação 
                                                                                                  Deionização
Propriedades da Água

Lição de casa


Sintese das idéias



Idéia principal
Pormenores importantes
Conclusões e implicações
A água e suas propriedades
Componentes  químicos contaminantes, quantidades permissíveis
Tratamento, pureza, potabilidade, qualidade de vida, saúde.


Cad. al. quest. 1, p.9
Resolução da questão 
1) Calcular quanto de chumbo um indivíduo ingeriu ao beber 2 litros de água contaminada. 

Chumbo - 10 ppb.





Se as partículas de chumbo estão misturadas com as partículas de água então:

Quantas moléculas de H2O têm um litro de água?

Sabemos que 1 mol de água tem 6,02 x 10²³ partículas de água.

Quantos mols de H2O têm 1 litro de água?





Quantas moléculas de água há em 55,6 mols de água?






Quantos átomos de chumbo há no litro de água?









Como o indivíduo ingeriu 2 litros de água contaminada; então ele ingeriu:




Qual é a massa de chumbo que o indivíduo ingere?

O peso de um átomo de chumbo é:






Como ele ingeriu 6,69424 x 10²³ átomos de Pb:






Como a quantidade de chumbo permitida para o consumo é de 0,01 mg/ L de água, a quantidade ingerida pelo morador em dois litros de água está fora dos parâmetros aceito.

Examinando a tabela - comentário - baseado no caderno do aluno

A vida teve origem na água. Todos os seres vivos conhecidos são constituídos em grande parte de sua massa, de água; o citosol celular possui um plasma riquíssimo em água facilitando o transporte interno de eletrólitos, inúmeros sais orgânicos e inorgânicos são dissolvidos pela água. Nós utilizamos a água na alimentação na higiene e na agricultura para obtenção de alimentos, na indústria. A importância da água para o ser humano é de primeira necessidade.

Quest. 2, cad. alun. 2ª série - Química - Vol. 1, p.4

A fração da água aproveitável disponível para o ser humano está, na atmosfera, nos rios e lagos, nos aqüíferos subterrâneos na ordem de 0,6 %. As geleiras somadas contém: 2,11% da água doce da terra, porém a fração maior da  água de nosso planeta está nos mares e oceanos 97,2 % com altas concentrações salinas.

Quest. 3, cad. alun. 2ª série - Química - Vol. 1, p.5

O consumo per capita por dia está além do consumo da água recomendada pela ONU, que é de 110 litros por pessoa ao dia. Segundo as fontes de informação o consumo da água, por exemplo; na capital paulista é de 221 litros por habitante.  As causas possíveis desse consumo é devido muitas vezes; a vazamentos de canos, uso indevido e desperdício de grande parte dessa água potável.

Quest. 4, cad. alun. 2ª série - Química - Vol. 1, p.5

A água pura pode ter sentido ambíguo que poderia ser: a água contendo somente moléculas de água sem qualquer outra substância como gás oxigênio, gás carbônico, sais minerais etc  dissolvidos nela. Poderíamos ainda dizer que a água pura da fonte ou água mineral não necessita de tratamento por ser uma água naturalmente potável pronta para consumo. A água tratada é a água que se torna própria para consumo humano através de técnicas como, sedimentação, flotação, filtração, com o uso e aplicação de substâncias químicas como o cloro, a cal, sulfatos, etc.

Comentários sobre o Cad. alun. 2ª série - Química - Vol. 1, p.8

Questões para análise de texto.

Quest. 1, cad. alun. 2ª série - Química - Vol. 1, p.8

Como já foi esclarecido no exercício anterior, há diferenças entre água pura e água potável. A água potável é a água exclusiva para o consumo humano em toda a sua vasta aplicação, servindo também para diversos outros animais que se queira manter sadios. É a água de manutenção dos seres vivos. O critério pureza no sentido restrito da química se refere à água sem os sais minerais dissolvidos nela, é a água pura e livre até dos gases que normalmente estão presentes em sua composição natural.

Quest. 2, cad. alun. 2ª série - Química - Vol. 1, p.8
É a água imprópria para o consumo humano por possuir contaminantes como dejetos e resíduos animais e vegetais em decomposição além de poder abrigar uma infinidade de microrganismos saprófitas e patogênicos, resíduos diversos industriais, inseticidas, praguicidas, pesticidas e metais pesados, gases tóxicos etc.

Quest. 3, cad. alun. 2ª série - Química - Vol. 1, p.9

O chumbo, presente em aditivos da gasolina e tintas de secagem rápida, que são as principais fontes de contaminação para o ser humano, é um metal pesado cuja densidade é de 11,34 g/cm³, pode acumular no organismo (hepatócitos). Quando ingerido pela pessoa pode causar náuseas, irritabilidade, danos ao cérebro. A sua concentração máxima permitida em alimentos ou na água ingerida é de 0,01 mg/ L.

Quest. 4, cad. alun. 2ª série - Química - Vol. 1, p.9

O alumínio como vimos, é usado no tratamento de água potável. Por isso é comum apresentar resíduos nas águas potáveis purificadas com alume (sais de alumínio), as panelas de alumínio também pode desprender alumínio metálico que pode passar para o alimento ao esfregarmos metal com metal.  O alumínio em concentração acima do permitido 0,2 mg/mL, no organismo humano pode causar perda de memória e mal de Alzheimer.

Quest. 5, cad. alun. 2ª série - Química - Vol. 1, p.9

O nitrato pode penetrar em nossos organismos através de alimentos condimentados em conserva. O nitrato pode também estar presente na água e ser ingerido. Em concentração além do permitido 10,0 mg/ L, causa metehemoglobinemia. Metahemoglobinemia que é uma disfunção da  hemoglobina de não se ligar ao oxigênio. Em concentração elevada nas hemácias anula a sua função, causa anemia funcional e hipoxia no tecido celular.

O arsênio da amostra dos quadros A, B e C da tabela, pode causar distúrbios gástricos, ser cancerígeno e teratogênico.
O bário das amostras nas quantidades apresentadas nos quadros A e D, pode causar paralisia muscular.
O chumbo das amostras dos quadros B e C, pode causar náuseas, irritabilidade e danos ao cérebro.
O mercúrio das amostras do quadros B e D, pode ser neurotóxico e mutagênico.
O alumínio das amostras dos quadros B e C, causa perda de memória, e mal de Alzheimer.
O cobre da amostra do quadro A, afeta a qualidade organoléptica da água.
O magnésio das amostras dos quadros C e D, afeta a qualidade organoléptica da água.

                                                   Prof. Antonio


Comentários sobre o Cad. alun. 2ª série - Química - Vol. 1, p.4


                Questões para compreensão da leitura do Caderno do Aluno

Quest. 1, cad. alun. 2ª série - Química - Vol. 1, p.4

A vida teve origem na água. Todos os seres vivos conhecidos são constituídos em grande parte de sua massa, de água; o citosol celular possui um plasma riquíssimo em água facilitando o transporte interno de eletrólitos, inúmeros sais orgânicos e inorgânicos são dissolvidos pela água. Nós utilizamos a água na alimentação na higiene e na agricultura para obtenção de alimentos, na indústria. A importância da água para o ser humano é de primeira necessidade.

Quest. 2, cad. alun. 2ª série - Química - Vol. 1, p.4

A fração da água aproveitável disponível para o ser humano está, na atmosfera, nos rios e lagos, nos aqüíferos subterrâneos na ordem de 0,6 %. As geleiras somadas contém: 2,11% da água doce da terra, porém a fração maior da  água de nosso planeta está nos mares e oceanos 97,2 % com altas concentrações salinas.

Quest. 3, cad. alun. 2ª série - Química - Vol. 1, p.5

O consumo per capita por dia está além do consumo da água recomendada pela ONU, que é de 110 litros por pessoa ao dia. Segundo as fontes de informação o consumo da água, por exemplo; na capital paulista é de 221 litros por habitante.  As causas possíveis desse consumo é devido muitas vezes; a vazamentos de canos, uso indevido e desperdício de grande parte dessa água potável.

Quest. 4, cad. alun. 2ª série - Química - Vol. 1, p.5

A água pura pode ter sentido ambíguo que poderia ser: a água contendo somente moléculas de água sem qualquer outra substância como gás oxigênio, gás carbônico, sais minerais etc  dissolvidos nela. Poderíamos ainda dizer que a água pura da fonte ou água mineral não necessita de tratamento por ser uma água naturalmente potável pronta para consumo. A água tratada é a água que se torna própria para consumo humano através de técnicas como, sedimentação, flotação, filtração, com o uso e aplicação de substâncias químicas como o cloro, a cal, sulfatos, etc. 

Comentários sobre o Cad. alun. 2ª série - Química - Vol. 1, p.8

Questões para análise de texto.

Quest. 1, cad. alun. 2ª série - Química - Vol. 1, p.8

Como já foi esclarecido no exercício anterior, há diferenças entre água pura e água potável. A água potável é a água exclusiva para o consumo humano em toda a sua vasta aplicação, servindo também para diversos outros animais que se queira manter sadios. É a água de manutenção dos seres vivos. O critério pureza no sentido restrito da química se refere à água sem os sais minerais dissolvidos nela, é a água pura e livre até dos gases que normalmente estão presentes em sua composição natural.

Quest. 2, cad. alun. 2ª série - Química - Vol. 1, p.8
É a água imprópria para o consumo humano por possuir contaminantes como dejetos e resíduos animais e vegetais em decomposição além de poder abrigar uma infinidade de microrganismos saprófitas e patogênicos, resíduos diversos industriais, inseticidas, praguicidas, pesticidas e metais pesados, gases tóxicos etc. 

Quest. 3, cad. alun. 2ª série - Química - Vol. 1, p.9

O chumbo, presente em aditivos da gasolina e tintas de secagem rápida, que são as principais fontes de contaminação para o ser humano, é um metal pesado cuja densidade é de 11,34 g/cm³, pode acumular no organismo (hepatócitos). Quando ingerido pela pessoa pode causar náuseas, irritabilidade, danos ao cérebro. A sua concentração máxima permitida em alimentos ou na água ingerida é de 0,01 mg/ L.

Quest. 4, cad. alun. 2ª série - Química - Vol. 1, p.9

O alumínio como vimos, é usado no tratamento de água potável. Por isso é comum apresentar resíduos nas águas potáveis purificadas com alume (sais de alumínio), as panelas de alumínio também pode desprender alumínio metálico que pode passar para o alimento ao esfregarmos metal com metal.  O alumínio em concentração acima do permitido 0,2 mg/mL, no organismo humano pode causar perda de memória e mal de Alzheimer.

Quest. 5, cad. alun. 2ª série - Química - Vol. 1, p.9

O nitrato pode penetrar em nossos organismos através de alimentos condimentados em conserva. O nitrato pode também estar presente na água e ser ingerido. Em concentração além do permitido 10,0 mg/ L, causa metehemoglobinemia. Metahemoglobinemia que é uma disfunção da  hemoglobina de não se ligar ao oxigênio. Em concentração elevada nas hemácias anula a sua função, causa anemia funcional e hipoxia no tecido celular.

Texto em construção.

Nenhum comentário:

Postar um comentário